Exposição em Ribeirão Preto traz elementos sobre história da cidade e da medicina

Publicado em Artes por em

O campus da USP em Ribeirão Preto abriga a exposição Desestória, impressões digitais sobre adesivos de tamanhos variáveis, que mostram imagens da fachada de uma construção local tombada e abandonada, de pessoas e de animais, que contribuíram para avanços nas pesquisas médicas.

A exposição é da artista plástica graduada pela Universidade Estadual de São Paulo (Unesp), Diana Proença Módena. A artista especializou-se em reproduções de fotografias e documentos e tem participado de salões e exposições nacionais e internacionais.

As imagens da exposição, que fazem parte do acervo do Museu Histórico da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP, são elementos que compõem a história da cidade e da medicina, e por isso, exigem com que os órgãos responsáveis e a sociedade preservem esta parte da cultura local.

Desestória é uma promoção do Grupo Coordenador das Atividades de Cultura e Extensão de Ribeirão Preto (GraCEx – RP) e da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU), com o apoio da Seção de Atividades Culturais, da Prefeitura do Campus USP de Ribeirão Preto e do Espaço Cultural e de Extensão Universitária da FMRP.

A exposição é gratuita, aberta ao público, sem prazo de término e ocupa a vidraça do GraCEx- RP, onde funcionava o Banco Santander, campus USP em Ribeirão Preto, Av. Bandeirantes, 3900.

Mais Informações: (16) 3315-0649 / 3315-0633

.