Dois docentes da USP são nomeados para Academia Brasileira de Ciências

Publicado em Institucional por em

Dois docentes da USP foram nomeados como membros afiliados da Academia Brasileira de Ciências (ABC): Daniel José Galafasse Lahr e Fernando Dini Andreote, respectivamente, do Instituto de Biociências (IB) e da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz”(Esalq), ambos para um mandato de cinco anos, com término em 31 de dezembro de 2020.

Daniel José Galafasse Lahr tem graduação em Ciências Biológicas e mestrado em Zoologia, ambos pelo IB, e doutorado em Biologia Evolutiva pela Universidade de Massachusetts. É professor no Departamento de Zoologia do IB desde 2013. Ele trabalha com evolução molecular, genética, paleontologia, morfologia e taxonomia de microrganismos eucariontes.

“Fiquei muito feliz pela nomeação, porque normalmente os docentes só são reconhecidos no final da carreira acadêmica. Esse reconhecimento mais cedo da Academia é muito estimulante para continuar a fazer meu trabalho, servindo como incentivo”, afirmou Lahr sobre a importância de ser nomeado com um membro da ABC.

O outro nomeado, Fernando Dini Andreote, tem graduação em Engenharia Agronômica e doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas, ambos pela Esalq. É docente no Departamento de Ciência do Solo da Escola desde 2010, na qual atualmente coordena o Programa de Pós-graduação em Microbiologia Agrícola. Ele atua na área de Microbiologia do Solo e Ambiental, estudando comunidades microbianas em áreas naturais, como os biomas da mata atlântica, caatinga e manguezais, e em áreas de produção agrícola, com destaque para áreas de cultivo de cana-de-açúcar.

“Pessoalmente, esse tipo de nomeação não fazia parte de meus anseios, por considerá-lo difícil de ser atingido. Sinto-me muito lisonjeado, mas igualmente tomado de grande responsabilidade, pois carrego junto ao meu nome o da nossa instituição, pela qual prezo e com a qual quero contribuir da forma mais eficiente possível. Espero que esta oportunidade se reflita em novas possibilidades de desenvolvimento do grupo de pesquisa em que atuo, do Departamento em que estou alocado e dos cursos de pós-graduação de que faço parte”, declarou o docente.

Além dos dois professores da USP, foram nomeados mais três membros afiliados pela Regional São Paulo, cujo vice-presidente é Adolpho José Melfi, membro titular da ABC, que foi reitor da USP, de 2001 a 2005, e também docente da Esalq.

ABC

A Academia Brasileira de Ciências (ABC) é uma entidade independente, não governamental e sem fins lucrativos, que atua como sociedade científica honorífica e contribui para o estudo de temas de primeira importância para a sociedade, visando dar subsídios científicos para a formulação de políticas públicas. Seu foco é o desenvolvimento científico do País, a interação entre os cientistas brasileiros e destes com pesquisadores de outras nações. Fundada em 1916, a Academia celebrará seus 100 anos em maio.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Esalq

Mais informações: (21) 3907-8100

 

Dois docentes da USP são nomeados para Academia Brasileira de Ciências
Editoria: Institucional - Autor: - Data: 19 de janeiro de 2016

Palavras chave: , , , ,

.