FSP realiza “Semana para a Prevenção e Controle da Obesidade”

Publicado em Saúde, USP Online Destaque por em

Criado em 2009, o Centro de Referência para Prevenção e Controle de Doenças Associadas à Nutrição (CRNutri), da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, realiza atendimentos individuais e em grupo. Um dos temas estudados pelo grupo é a prevenção e o controle da obesidade, principalmente entre adultos e idosos. Entre os dias 11 e 15 o grupo promove a Semana para a Prevenção e Controle da Obesidade. O evento acontece no Centro de Saúde Escola Geraldo de Paula Souza, na FSP.

Durante a semana o grupo fará avaliações nutricionais, além de cinco oficinas educativas com objetivo de levar os participantes a refletirem sobre seu comportamento alimentar. “Nosso foco é atingir os funcionários da FSP e da Escola de Enfermagem (EE), seus dependentes, os alunos dessas instituições, além dos moradores da região próxima”, comentam Viviane Laudelino Vieira e Samantha Caesar de Andrade, nutricionistas do CRNutri. “Esperamos sensibilizar e mobilizar as pessoas quanto à importância do cuidado com a saúde para prevenir ou controlar o excesso de peso”.

Um país de obesos?

Segundo estudo divulgado pelo IBGE em agosto de 2010, no período entre 2008 e 2009, 50% dos homens acima de 20 anos e 48% das mulheres nesta faixa etária estão acima do peso no Brasil. Já os obesos contam 12% e 17%, respectivamente. Entre 1974 e 1985 as taxas eram bem menores, apenas 3% dos homens e 8% das mulheres eram obesos. As nutricionistas ressaltam que “no que se refere à obesidade, nossas cifras são menores que a dos EUA, mas crescentes”.

O hábito alimentar do brasileiro ainda conserva pontos fortes, como a combinação de arroz e feijão. No entanto, elas apontam como fator do aumento da obesidade na população brasileira a mudança no padrão alimentar.

“O brasileiro, principalmente o das grandes cidades, vem mudando seu padrão alimentar, aumentando o consumo de alimentos industrializados e de refeições fora de casa. Isso tente a provocar uma expansão no consumo de sódio, gordura e açúcar”, argumentam.

Além do padrão alimentar, outro fator que influi para o excesso de peso e para a obesidade é o sedentarismo. As nutricionistas ressaltam que nos últimos anos este fator tem feito aumentar a incidência de obesos em todas as idades. Segundo elas, este é um indicativo de que “a qualidade da alimentação está piorando e que as pessoas estão ficando cada vez mais sedentárias”.

CRNutri

Nos últimos anos o CRNutri tem desenvolvido estudos sobre a efetividade da intervenção nutricional como forma de prevenção e tratamento da obesidade. Com acompanhamento a longo prazo, o centro procura estimular mudanças no estilo de vida e na autonomia de cada participante. Além disso, através de medidas antropométricas e exames bioquímicos, o grupo analisa os fatores associados à obesidade.

Vieira e Andrade contam que “os próximos passos do CRNutri são atingir mais pessoas que ainda não se encontram com obesidade, mas que apresentam risco para tal, trabalhando com maior ênfase na prevenção de doenças”.

Mais informações: (11) 3061-7942, email crnutri@fsp.usp.br

 

.