FSP e HU procuram voluntários em projeto sobre dieta do Mediterrâneo

Publicado em Saúde por em

A Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP e o Hospital Universitário procuram voluntários para participar do Projeto Mediterrâneo, que pesquisa a mudança na alimentação feita no café da manhã. Os participantes devem apresentar algum fator de risco, como glicemia acima de 100 (e inferior a 140 mg/dL), colesterol total ou LDL altos, HDL baixo ou pressão alta.

Sabe-se que a dieta mediterrânea é benéfica na prevenção de doenças cardiovasculares. A FSP está investigando se modificar apenas o cardápio do café da manhã do brasileiro, de modo a aproximá-lo do padrão mediterrâneo, pode reduzir fatores de risco cardiovasculares, como colesterol, pressão arterial e glicemia.

Será realizado um estudo cruzado, no qual os indivíduos receberão quatro semanas de café da manhã tipicamente brasileiro (café com leite integral, pão francês, manteiga e queijo mussarela) e quatro semanas de café da manhã mediterranizado (pão integral, ricota cremosa, azeite de oliva e amendoim, além do café com leite desnatado).

Ao final do estudo todos os participantes terão acesso aos resultados de diversos exames.

Mais informações: (11) 9 7163-6843, com Milena

.