FSP vai investigar risco para doenças crônicas e hábitos alimentares de alunos de nutrição

Publicado em Saúde por em

A Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP abrigará um novo projeto de pesquisa com o intuito de investigar potenciais fatores de risco para ocorrência de doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT). O Estudo de Saúde de Nutricionistas (ESNutri) ou Nutritionist Health Study (NutriHS) propõe um acompanhamento longitudinal dos estudantes de nutrição e egressos deste curso. Futuramente, o público alvo deverá ser ampliado para estudantes e egressos de outras faculdades de nutrição do Brasil.

Condições ambientais, como dieta inadequada e inatividade física são apontadas como determinantes da crescente prevalência de DCNT. Hoje sabe-se que fatores ambientais influenciam a microbiota intestinal e que sua composição interfere em mecanismos imunológicos, na predisposição ao ganho de peso e na sensibilidade à insulina.

À semelhança de importantes estudos de coorte internacionais, o foco dado em profissionais da saúde é relevante pois são indivíduos comprometidos com a pesquisa em saúde e que respondem com maior qualidade às informações solicitadas em questionários.

Um diferencial do ESNutri é o emprego de sistema informatizado de coleta de dados, o que permitirá o acesso remoto dos participantes. Esta tecnologia traz maior conforto, sem perder a confidencialidade das respostas, além de agilidade na construção do banco de dados. A coleta de material biológico e a densitometria ocorrerão no próprio Centro de Saúde-Escola da FSP. O participante terá acesso a seus resultados através do site do projeto.

Em sua primeira fase, o estudo vai avaliar, em caráter transversal, a relação entre hábitos alimentares e marcadores de risco cardiometabólico a partir da realização de diversos exames. A expectativa é melhorar o entendimento da relação entre a dieta, composição corporal, microbiota intestinal, biomarcadores metabólicos e de inflamação subclínica e resistência à insulina que elevam a morbimortalidade cardiovascular.

A divulgação do estudo em salas de aula terá início em fevereiro e a coleta de dados está prevista o mês de para março. Outras informações podem ser consultadas no site do projeto e também nas redes sociais.

Com informações da Assessoria de Comunicação Institucional da FSP

Mais informações: email sandrafv@usp.brcom a professora Sandra Vivolo, ou email tande.isis@gmail.com, com a nutricionista Isis

.