Aprendizado fora de casa: intercâmbio incentiva empreendedorismo e inovação

Publicado em Educação, USP Online Destaque por em

Ronaldo Castelli / Assessoria de Comunicação do ICMC

Conhecer como funciona a Universidade do Porto Inovação (UPIN), a agência de inovação da Universidade do Porto, de Portugal, durante seis meses. Essa experiência foi vivenciada pela aluna do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, Paula Castro. Ela está no último ano do curso de Sistemas de Informação e aproveitou a oportunidade da Bolsa Empreendedorismo, uma modalidade do Programa de Bolsas de Intercâmbio Internacional para alunos de graduação da USP, que oferece bolsas para quem deseja estagiar no exterior, visando estimular o desenvolvimento da inovação tecnológica e do empreendedorismo.

portal20140811_4
Arte: George Campos

“No intercâmbio tive a oportunidade de participar da BIN@ Business and Innovation Network, rede que promove o compartilhamento de experiências e aproximação entre os players do mercado de inovação”, conta Paula, que permaneceu na Universidade do Porto durante todo o segundo semestre de 2013.

Ela explica que, para concorrer à bolsa, foi preciso elaborar um plano de atividades referente ao estágio, explicando a motivação para escolha da instituição e os objetivos do trabalho. “Além de obter a aprovação da universidade escolhida, o plano passou pela validação do coordenador do curso. Depois, foi encaminhado à Agência USP de Inovação que, juntamente com a Pró-Reitoria de Pesquisa, faz a seleção dos alunos bolsistas”, explica a estudante.

O Programa oferecido pela USP é inédito entre as universidades brasileiras e em 2012 ofereceu mil bolsas nas modalidades Mérito Acadêmico e Empreendedorismo. Em 2013 teve sua segunda edição e, dentro do período de julho de 2013 a julho de 2014, foram disponibilizadas 150 bolsas Empreendedorismo para estágios com duração de dois a seis meses. O objetivo é a realização de um estágio em uma instituição do exterior cuja área de atuação esteja ligada a empreendedorismo e inovação.

Segunda vez em Portugal

portal20140811_3
Foto: Divulgação
Com a Bolsa Empreendedorismo, Paula Castro estudou na Universidade do Porto, em Portugal

Mas o segundo semestre de 2013 não foi a primeira vez que Paula esteve em Portugal. Além da Bolsa Empreendedorismo, ela já havia realizado, no segundo semestre de 2012, intercâmbio em Portugal por meio do Programa de Bolsas Ibero-Americanas Santander. “O objetivo era cursar disciplinas relacionadas com a minha área de formação na USP”, acrescenta.

Nesse caso, a duração do intercâmbio também foi de seis meses e a bolsa foi destinada a alunos que cursavam a partir do 3º semestre do curso. Segundo Paula, houve uma primeira avaliação por uma comissão de professores do ICMC, a qual indicou dois alunos potenciais bolsistas para a Pró-Reitoria de Graduação. Paula foi a escolhida.

“No primeiro intercâmbio, os países em que eu poderia estudar eram Portugal e Espanha. Escolhi a Universidade do Porto por ser uma referência no país. No segundo intercâmbio, o estágio poderia acontecer em uma instituição de qualquer país. Decidi novamente por Portugal devido à forte relação existente entre a USP e Universidade do Porto, em particular no que diz respeito à propriedade intelectual e inovação”, ressalta.

Para Paula, as duas experiências foram muito interessantes e contribuíram para sua formação profissional e pessoal: “Pude trabalhar e estudar com pessoas de outras culturas e em ambientes muito diferentes. Durante o último período, fiz diversos contatos de trabalho e inclusive recebi uma proposta para retornar à instituição depois de formada”. Como ganho adicional, ela revela que estudou os idiomas francês e inglês. “As oportunidades foram muito boas e recomendo fortemente a outros alunos a participação nesses programas”, conclui.

Mais informações: (16) 3373-8120, email crint@icmc.usp.br

.