ICMC entrega Prêmio Gutierrez para melhor tese em matemática

Publicado em Ciências por em

Da Agência USP de Notícias

A cerimônia de entrega do Prêmio Gutierrez 2014 foi realizada no dia 1º de setembro, no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos. Apoiada pela Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), a iniciativa premia a cada ano a melhor tese de doutorado em matemática defendida no Brasil no ano anterior.
O vencedor desta edição foi Leonardo Tadeu Silvares Martins, por sua tese de doutorado On the essential espectrum of the Laplacian and the drifted Laplacian. “Quando desenvolvemos uma pesquisa na pós-graduação, ficamos tão focados na busca por resultados que não conseguimos avaliar a qualidade do trabalho realizado. Ao receber um reconhecimento como esse, passamos a acreditar no que produzimos”.

O coordenador do Programa de Pós-Graduação em Matemática do ICMC, Ali Tahzibi, explicou que o reconhecimento nas áreas de ciências básicas costuma ser demorado, sendo essa uma das magias dos trabalhos científicos. “Daí a importância deste prêmio: trazer reconhecimento aos pós-graduandos em um país onde a pós-graduação é cada vez mais forte e pujante”, disse Tahzibi. Segundo ele, a cada ano, aumento o número de teses inscritas no prêmio e há cada vez menos pesquisadores para assessorar na avaliação dos trabalhos, pois estão orientando um dos concorrentes.

“Gostaria de enaltecer a relevância dessa iniciativa de premiação: ainda somos muito tímidos no Brasil em reconhecer nossos pesquisadores”, declarou o vice-presidente da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), Vanderlei Horita.

Houve reconhecimento também a três outras teses, que receberam menções honrosas. Entre elas está o trabalho “Desigualdades do Tipo Trudinger-Moser para uma classe de espaços de Sobolev”, de José Francisco Alves Oliveira, realizado na Universidade Federal de Pernambuco. A outra menção foi para Ana Maria Menezes de Jesus, por sua tese “Minimal and constant mean curvature surfaces in homogeneous 3-manifold”s, defendida no Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). Já a última menção honrosa ficou com Marianna Ravara Vago, pela tese “Brunella’s local Alternative”, desenvolvida em regime de cotutela entre a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e a Universidad de Valladolid, na Espanha.

Realizado desde 2009, o Prêmio Professor Carlos Teobaldo Gutierrez Vidalon homenageia o renomado pesquisador peruano Carlos Teobaldo Gutierrez Vidalon (1944-2008), que veio ao Brasil em 1969, onde se titulou mestre e doutor em Matemática pelo IMPA. Após deixar o IMPA, Gutierrez atuou como professor titular no ICMC, contribuindo com a fundação e organização de um novo grupo de pesquisa. Em sua carreira, publicou mais de setenta artigos, orientou sete alunos de doutorado e vinte de mestrado.

Mais informações: site http://premiogutierrez.icmc.usp.br

.