FSP desenvolve projeto de cuidados com a saúde de seus funcionários

Publicado em Saúde por em

Da Assessoria de Comunicação Institucional da FSP

A Assistência para Assuntos Comunitários, órgão ligado à Diretoria da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, está realizando o Projeto de Extensão Cuidados de saúde aos servidores não docentes da FSP/USP, que tem como objetivo identificar risco nutricional das doenças crônicas não transmissíveis (obesidade, diabetes, dislipidemias, e outras doenças que podem levar à síndrome metabólica) dos servidores não docentes de nível médio e básico; e realizar junto a esses indivíduos o aconselhamento nutricional com informes e oficinas culinárias.

Foram realizadas seis oficinas culinárias elaboradas segundo os resultados dos inquéritos dietético, antropométrico e bioquímico. Os temas das oficinas culinárias basearam-se nos resultados do inquérito dietético-recordatório de 24 horas, onde se observou que mais de 50% dos funcionários não tomavam café da manhã, 40% não apresentaram consumo de frutas e hortaliças em quantidades recomendadas, e apresentaram excesso de gordura e proteínas, e de sódio nas preparações consumidas. Os temas das oficinas foram “Café da Manhã: a importância da primeira refeição do dia”, “Como escolher o que comer: seleção de alimentos ricos em fibras, pobre em sódio e gorduras” e “O poder das frutas e hortaliças: destacados os alimentos ricos em vitaminas e minerais”.

Pelos resultados, os servidores foram classificados segundo o grupo de dieta: restrição de sódio para hipertensos; restrição de carboidratos para os servidores com glicemia acima de 100 mg dL; dieta de emagrecimento para aqueles com IMC acima de 28; triglicérides para os acima de 150 mg dL e adequada aos com os resultados normais.

Os cinco grupos de servidores realizaram juntamente com os nutricionistas as várias preparações por tipo de dieta como forma de fixar os conhecimentos adquiridos em seções anteriores, através de folders sobre os mesmos temas. As coordenadoras do projeto verificaram que houve boa participação dos grupos, interação entre eles, onde puderam degustar as diferentes preparações. O entusiasmo dos participantes foi surpreendente, o que se espera para as próximas atividades a serem realizadas.

Essa foi mais uma das etapas do projeto e contou com a participação das professoras Marlene Trigo, Maria Elisabeth M. Pinto e Silva , da nutricionista Monica Jorge e das nutricionistas do Programa de Aprimoramento em Saúde Publica, Leticia, Isabela e Camila.

Mais informações: email mmachado@usp.br ou martrigo@usp.br, com a professora Maria Elisabeth

.