Projeto Pequeno Cidadão forma mais uma turma de jovens

Publicado em Educação por em

Da Agência USP de Notícias

Com uma homenagem à música e seus diferentes ritmos, o Projeto Pequeno Cidadão promoveu, no dia 5 de dezembro, a formatura de 31 jovens. O projeto tem como objetivo proporcionar uma vida melhor aos adolescentes por meio do incentivo à cultura, educação e acesso ao mercado de trabalho. Além disso, este ano conta com novidades: os formandos passarão a integrar o Núcleo Aprendiz do Projeto, ou seja, cada um passa a ser um “Aprendiz Legal”, fruto da parceria firmada com o Centro de Integração Escola-Empresa (CIEE), e alguns receberão bolsas para estudo de inglês oferecidas pelo Centro de Inclusão Social da USP em São Carlos.

A entrega dos certificados aconteceu no Salão de Eventos do Campus e contou com a presença de familiares, colaboradores, convidados e autoridades, entre elas o coordenador do Projeto, Marco Henrique Terra; a coordenadora pedagógica, Elaine Trimer; o diretor mantenedor do Colégio Interativo, Pedro Marcelo Batista Sebá; e representantes da área de Cidadania e Diversidade da KPMG, Maria Cristina Bonini e Eliane Momesso. Também prestigiaram as atividades o vereador Rodson Magno, o diretor da “Em Cena Produções”, Cláudio Nascimento (responsável pelo Projeto Júpiter), e outros colaboradores da KPMG.

A coordenadora pedagógica ressalta que a formatura deste ano encerra mais uma etapa do processo educativo do Projeto Pequeno Cidadão. “É um momento em que as crianças e jovens podem mostrar aos pais, à comunidade, aos amigos um pouco do que aprenderam durante o ano. Tivemos várias apresentações artísticas, de talentos individuais, de importantes parceiros – como Projeto de robótica Semear-, e principalmente a confraternização entre famílias, educadores e grupo gestor”, afirma.

Para Terra, a relevância do projeto está no retorno social que proporciona. “O fortalecimento da cidadania é um aspecto de extrema importância para essas crianças e jovens uma vez que tem repercussão não apenas em suas vidas, mas também no meio em que vivem”.

Prêmio 

Como nos anos anteriores, um dos momentos mais esperados do evento foi o anúncio do Prêmio Bessan, que proporciona bolsas de estudos em um colégio particular, oferecidas pela KPMG e pelo Colégio Interativo. As vencedoras desta edição foram: Mayara Julio de Camargo e Nayara Cristini Brandão Feliciano.

Para Nayara, a bolsa representa uma possibilidade de correr atrás de seus sonhos, uma vez que pretende ser juíza. “Existe um futuro melhor que pode estar presente na vida de cada um, basta correr atrás com muita dedicação, estudo e determinação”, enfatiza. A outra vencedora Mayara e seus familiares também ficaram muitos emocionados com o prêmio.

De acordo com Maria Cristina, da KPMG, o projeto tem como foco a melhoria da educação unindo uma grande universidade, empresa e comunidade. “Se a gente souber juntar esses ingredientes serão sempre de sucesso. Fico feliz e me emociono quando participo do evento, pois é muito bom ver a família acreditando nesta transformação, e ela só vem pela educação”.

Implantado no Campus da USP em São Carlos há 18 anos, o Projeto Pequeno Cidadão atende 220 jovens de 10 a 14, em situação de vulnerabilidade socioeconômica, e já formou cerca de 450 jovens.

Mais informações: (16) 3373-9105, email pcidadao@sc.usp.br, site www.saocarlos.usp.br/pequenocidadao

.