ICMC participa da inauguração do Museu da Ciência de São Carlos

Publicado em Institucional por em

O Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP em São Carlos participou da inauguração do Museu da Ciência Prof. Mário Tolentino, ocorrida sábado (14) na praça Coronel Salles, em São Carlos. Entre autoridades e professores, estiveram presentes Marco Antônio Raupp (ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação), Glaucius Oliva (presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq), Oswaldo Barba (prefeito municipal), o professor Geraldo Costa (diretor da Escola de Engenharia de São Carlos, EESC) e o professor José Carlos Maldonado (diretor do ICMC).

Sobre a inauguração do Museu, o professor Maldonado afirmou ser um marco para a cidade que é a capital nacional da tecnologia, pois incentiva a difusão científica e a motivação de novos talentos. O espaço foi concebido para promover entre a população são-carlense, de forma interativa, a educação e a convivência com temas de ciências, tecnologia e arte. O investimento do projeto é de R$ 840 mil, em um espaço de 1.200 m² onde estarão expostos 129 experimentos científicos de diversas áreas do conhecimento. O local também conta com um auditório de 56 lugares para a realização de seminários, palestras e atividades culturais, além de uma sala de aula e uma área para exposições, que sempre trará novidades para o público.

Um dos objetivos é despertar o interesse, especialmente de crianças e jovens, à ciência e tecnologia.  A intenção da prefeitura é que os alunos das redes pública e privada tenham a oportunidade de ter aulas práticas de física, química e matemática no local. “São Carlos é a capital da Ciência e Tecnologia no Brasil, portanto é a vitrine dessas atividades no país”, disse o Ministro Raupp.

Maldonado explica que já existe uma perspectiva de parcerias entre o ICMC e o museu: “Propusemos ao prefeito, ao coordenador do Museu e à Secretaria Municipal de Educação uma parceria com ICMC e com a Prefeitura para a criação de um espaço permanente de peças do Museu de Computação Prof. Odelar Leite Linhares”. O professor disse que também há a ideia de se criar outro espaço para mostras itinerantes e temáticas que poderiam mudar periodicamente, no sentido de promover a difusão cientifica. Dentre os temas abordados estariam: robótica, jogos, mineração de dados, redes, banco de dados e aplicações, sistemas não tripulados, entre outras. “A ideia foi muito bem recebida e devemos dar prosseguimento com uma reunião para delinearmos ações concretas”, concluiu Maldonado.

Durante o evento, o ICMC foi também representado pelo robô humanóide Nao, que demonstrou sua capacidade de imitar gestos humanos, de reconhecer comandos e obedecê-los.

Na ocasião, também foram apresentadas algumas reivindicações por alunos de pós-graduação para o reajuste no valor das bolsas, que ocorreu de forma pacífica e organizada. Maldonado destacou a relevância deste ponto para o sistema de pós-graduação no país: “O valor da bolsa é um dos fatores complicadores no processo de formação de recursos humanos de alta qualidade para a nação, e todo recurso financeiro colocado no sistema de CT&I efetivamente é um investimento, com retorno certo para a sociedade”. Destacou ainda que São Carlos também tem historia em liderar reivindicações justas e fundamentais para o desenvolvimento de CT&I no país.

O Museu da Ciência está localizado no subsolo da praça Coronel Salles, e as visitações são gratuitas e contam com a presença de monitores. Durante a semana, o horário de funcionamento é de terça às sexta das 8h às 17h e a partir de maio, aos sábados das 10h às 17h.

Com informações da Assessoria de Comunicação do ICMC

Mais informações: www.saocarlos.sp.gov.br 

.