“S.O.S. Orquestra” arrecada fundos para Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto

Publicado em Cultura por em

Projeto desenvolvido por equipe liderada pela professora da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEARP) da USP, Claudia Souza Passador, mobiliza a cidade para salvar a Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto (OSRP).

Envolvendo os integrantes da OSRP, estudantes da FEARP, do Centro de Estudos de Gestão e Políticas Públicas Contemporâneas (GPublic) e estudantes do MBA Marketing da Fundação para Pesquisa e Desenvolvimento da Administração, Contabilidade e Economia (Fundace) em parceria com a Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da USP, a professora colocou em prática o S.O.S. Orquestra. Várias atividades foram programadas e o objetivo é chamar a atenção da população e de novos patrocinadores para ajudar a “salvar a Orquestra”.

Pequenos grupos de músicos começaram a se apresentar gratuitamente ao ar livre em diferentes espaços públicos da cidade e sem horário agendado (flashmob). Uma vaquinha online angaria fundos, aceitando doações de qualquer quantidade. Um joalheiro da cidade desenvolveu em parceria coma a Campanha quatro modelos de braceletes inspirados na música com a doação de mão de obra. Pelo facebook da S.O.S. Orquestra, qualquer pessoa pode adquirir também, por R$25,00, uma camiseta com o símbolo da Campanha. Todos os folders, logotipo, programas, entre outros, foram desenvolvidos pelos alunos.

Um dos pontos altos da Campanha, até o momento, foi o Concerto de Gala realizado dia 21 de julho no Theatro Pedro II sob a regência do maestro e apoiador da S.O.S. Orquestra, João Carlos Martins. A apresentação foi considerada um sucesso e arrecadou em torno de 100 mil reais, valor que será utilizado para pagar os salários mais atrasados dos músicos, que estão sem receber desde novembro de 2014. O maestro também gravou depoimento alertando para o problema de caixa da OSRP, que será veiculado em horário nobre na televisão.

A campanha irá entrar em uma segunda fase, que é a de angariar fundos junto a empresas, usando leis de incentivo fiscais e patrocínios, procurar novos sócios para a Associação Musical de Ribeirão Preto, mantenedora da OSRP, além de auxiliar na gestão da Associação Musical de Ribeirão Preto que gerencia a ORSP.

A Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto foi fundada em 1921. São 94 anos de história que a fez ser reconhecida como um dos maiores patrimônios culturais da cidade.Atualmente, a Orquestra conta com 50 músicos que não recebem salários desde o ano passado e tem uma dívida que ultrapassa os R$1,5 milhão. Para sobreviver, esses músicos fazem ‘bicos’ e recebem ajuda de familiares.

Mais informações: site https://www.facebook.com/sosorquestrarp

“S.O.S. Orquestra” arrecada fundos para Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto
Editoria: Cultura - Autor: - Data: 10 de agosto de 2015

Palavras chave: , , , , ,

.