Nuvem do Conhecimento promoverá a valorização dos profissionais da Saúde

Publicado em Saúde, Tecnologia, USP Online Destaque por em

Da Assessoria de Comunicação da FMUSP

Uma parceria entre a Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e a Telefônica Vivo, por meio da Fundação Faculdade de Medicina (FFM), possibilitará o desenvolvimento conjunto de soluções de Telemedicina, eHealth e eCare

Um dos objetivos da cooperação é compartilhar a excelência do conhecimento acadêmico e científico da FMUSP com todo o país, contribuindo para o fortalecimento da assistência à saúde brasileira. Para alcançar este propósito, está em estruturação o Programa de Valorização dos Profissionais de Saúde por Educação Interativa à  Distância e Teleassistência, que utilizará recursos de Tecnologias Educacionais Interativas (TEI) em dispositivos móveis (mobile-health) como tablets, smartphones e ultrabooks, organizando o processo de educação em qualquer lugar e a todo momento (conceito da Educação 3.0).

A aliança foi oficializada em cerimônia realizada na FMUSP no dia 20 de março, com a presença do Secretário de Estado da Saúde de São Paulo, Giovanni Guido Cerri; do Coordenador da Coordenadoria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos de Saúde, Sérgio Swain Müller; do Diretor em Exercício da Faculdade de Medicina da USP, José Otávio Costa Auler Junior; do Diretor-Geral da FFM, Flavio Fava de Moraes; do Chefe da Disciplina de Telemedicina da FMUSP, Chao Lung Wen, e do Presidente do Grupo Telefônica no Brasil, Antonio Carlos Valente; entre outros diretores e executivos da Telefônica Vivo.

Para o Secretário de Estado da Saúde de São Paulo, a otimização do sistema de saúde é uma grande prioridade do Governo do Estado. “A agilidade na comunicação, na educação, no atendimento e na marcação de consultas é necessária e atende aos anseios do cidadão, uma vez que pesquisas comprovam que a maioria da população brasileira considera a área da saúde prioritária em sua vida”, afirmou Cerri. “A educação a distância aproxima os profissionais da Atenção Básica dos centros especializados sem o ônus de deslocamentos desnecessários (perda de tempo e custo financeiro) para encontros presenciais, revertendo estes investimentos para o bem-estar da população”, completou.

“A FMUSP está em constante processo de modernização dos recursos utilizados no aprendizado da técnica médica e esta parceria sela mais uma meta conquistada”, explicou Auler Junior. “O Programa de Valorização dos Profissionais de Saúde potencializará a interatividade e o estudo colaborativo dos alunos e profissionais”, complementou.

Parceria

Inicialmente, a empresa disponibilizou 60 chips 3G Plus para tráfego de dados, que serão empregados em ações temáticas coordenadas pela Disciplina de Telemedicina da FMUSP começando por três segmentos: Atenção Primária, Saúde do Idoso e Emergências. “Para estas ações, será consolidada uma estratégia para implementar o conceito da Educação 3.0, utilizando interatividade móvel baseada no Tablet da Saúde, com conteúdos que poderão ser utilizados por profissionais de saúde e por universitários, tanto em ambiente hospitalar como nas comunidades brasileiras, proporcionando o aprendizado flexível e em serviço”, explicou Wen. “É uma satisfação firmar esta aliança com uma das melhores faculdades de medicina do país, em uma cooperação que vai gerar benefícios para ambas instituições”, ressaltou o Presidente do Grupo Telefônica no Brasil, Antonio Carlos. “Estamos voltados para o desenvolvimento de aplicações em saúde que rodam em redes de conectividade cada vez mais potentes, e agora teremos acesso aos importantes conteúdos da Faculdade de Medicina da USP”, destacou.

Atenção Primária

O modelo de uso em atenção Atenção Primária à Saúde está dirigido para as unidades assistenciais da região oeste da cidade de São Paulo, onde os Tablets da Saúde, integrantes do Projeto de Laboratórios da Inovação (Pro-Inovalab 2011, da Pró-Reitoria de Graduação da USP) disponibilizarão módulos educacionais sobre Diabetes, Eletrocardiografia Básica, Saúde da Gestante e Puérpera, Saúde Mental, além de vídeos do Projeto Homem Virtual – sequências dinâmicas de Computação gráfica 3D, com a finalidade de promover o aprendizado integrado e aplicado à promoção de saúde das comunidades, sob abordagem biopsicossocial. Trata-se de um modelo que promoverá o aprendizado baseado nas diferentes realidades e necessidades sociais, procurando integrar os conhecimentos científicos às atividades assistenciais do cotidiano.

Saúde do Idoso

Ação promovida pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, com de trabalho conjunto entre as disciplinas de Geriatria e de Telemedicina da FMUSP, o Curso de Atenção à Saúde do Idoso, baseado em Teleducação Interativa, vai capacitar 600 profissionais de saúde do Estado de São Paulo, entre médicos e enfermeiros, em 18 temas, para promover a qualidade de vida das pessoas da 3ª idade. Terá início em maio deste ano. Em sequência desta iniciativa haverá atividades de segunda opinião formativa (teleassistência) e eCare para idosos.

Emergências

Em junho terá início o Curso de Prevenção de Acidentes de Moto, um trabalho conjunto entre a Disciplina de Telemedicina da FMUSP, a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e a Secretaria de Estado da Segurança Pública de São Paulo. Direcionado aos gestores de saúde das cidades, o curso tem a finalidade de desenvolver ações e projetos para serem encaminhados ao Governo Federal e para que possam reduzir o índice de acidentes. O segundo curso a ser desenvolvido com esta parceria será o de prevenção de atropelamentos. Nesta categoria, também serão incluídas ações relativas ao manejo clínico da Dengue.

Mais informações: (11) 3061-8317/ 7585, email imprensa@fm.usp.br

.