Professores fazem plebiscito pela campanha “10% do PIB para a Educação Pública”

Publicado em Educação por em

Um grupo de professores da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da USP se mobilizou e está realizando um plebiscito da Campanha Nacional 10% do PIB para a Educação Pública Já!.

A votação, aberta à participação de qualquer cidadão brasileiro, foi iniciada nesta segunda-feira (5) e prossegue nesta terça-feira (6), das 8 às 17 horas, no Centro Cultural do Campus de Bauru da USP, localizado na alameda Dr. Octávio Pinheiro Brisolla, 9-75, Vila Universitária.

Conforme o Manifesto da Campanha Nacional, a educação é um direito fundamental, e pode ampliar a leitura de mundo e comprometer com uma sociedade justa e igualitária. Por isso, a luta dos trabalhadores na constituinte buscou assegurá-la como “direito de todos e dever do Estado”.

No entanto, o Estado brasileiro não cumpre sua obrigação Constitucional. O Brasil possui mais de 14 milhões de analfabetos totais e 29,5 milhões de analfabetos funcionais (PNAD/2009/IBGE) – cerca de um quarto da população está alijada de escolarização mínima.

O Plano Nacional de Educação – Proposta da Sociedade Brasileira (1997), a partir de um diagnóstico da realidade educacional, indicou metas para a universalização do direito de todos à educação que implicavam em um investimento público da ordem de 10% do PIB nacional.

Naquele momento, o Congresso Nacional aprovou 7%, percentual vetado pelo governo de Fernando Henrique Cardoso e veto mantido pelo governo Lula da Silva. Hoje o Brasil aplica menos de 5% do PIB nacional em Educação. 

Mais informações: (14) 3235-8385 ou (14) 8143-4517

.