Projeto da FOB em Rondônia atende 1500 pacientes em sua 29ª expedição

Publicado em Saúde, USP Online Destaque por em

Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura do Campus USP de Bauru

Foto: Divulgação / FOB
Foto: Divulgação / FOB

O Projeto FOB/USP em Rondônia realizou sua 29ª expedição com destino a Monte Negro, em Rondônia. A equipe viajou no dia 4 de julho num ônibus da USP e retornou no dia 20 de julho. O projeto é coordenado pelos professores Magali de Lourdes Caldana e José Roberto de Magalhães Bastos.

A equipe da expedição foi integrada por 36 pessoas: 2 docentes, 10 alunos de graduação de fonoaudiologia, 14 alunos de graduação de odontologia, 6 alunos de pós-graduação e 4 funcionários.

Foram atendidos quase 1.500 pacientes em reabilitação e promoção de saúde nas áreas de odontologia e fonoaudiologia, com a população da zona rural e urbana da cidade de Monte Negro e região.

Segundo o professor José Roberto de Magalhães Bastos, o Projeto FOB/USP em Rondônia marcou presença na região com infraestrutura bem organizada, possibilitando aos alunos de graduação e de pós-graduação passarem por treinamentos específicos em suas áreas de atuação: odontologia e fonoaudiologia.

Bastos afirma que o atendimento dos alunos de pós-graduação avançou em quantidade e qualidade, evitando que os pacientes da região tenham seus dentes perdidos ou convivam com dores e infecções por tempo indeterminado.

Sobre a importância do projeto o coordenador acrescenta que “os procedimentos cirúrgicos odontológicos, a dentística e o atendimento odontopediátrico permitiram visualizar o encantamento dos profissionais e alunos pela clínica odontológica, motivo de uma paixão pela profissão que pode ser melhor contemplada quando se está dentro de um projeto de extensão visando o profissionalismo, a prática clínica e o entendimento das políticas públicas que regem nossa população e, em particular, os brasileiros que vivem praticamente à margem do apoio em áreas de saúde.”

Tendo em vista casos específicos na comunidade local, deve ser disponibilizada à população a área de implantodontia, com a colocação de implantes intraósseos com a finalidade de substituir os dentes perdidos por meio de uma prótese.

Foto: Divulgação / FOB
Foto: Divulgação / FOB

A equipe fonoaudiológica coordenada pela professora Magali de Lourdes Caldana, realizou diversos atendimentos à população de Monte Negro, com a colaboração das alunas de Pós-Graduação de Saúde Coletiva.

Está em tramitação o contato com as autoridades locais, que em parceria com a FOB pretendem montar uma clínica odonto-fonoaudiológica em terreno cedido pela Prefeitura Municipal de Monte Negro e Câmara dos Vereadores.

A 29ª expedição do FOB/USP em Rondônia contou com o apoio da professora Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado, diretora da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) e do professor José Roberto Pereira Lauris, prefeito do Campus USP de Bauru.

Mais informações: (14) 99651-2504, com a professora Magali de Lourdes Caldana

.