Pesquisadores de USP e Unicamp descobrem planta carnívora que se alimenta de vermes

Publicado em Pesquisa por em

Pesquisadores internacionais juntamente com os brasileiros Daniela P. Almenara e Carlos E. Winter, do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) USP e Caio G. Pereira, da Unicamp, descobriram uma rara planta carnívora que devora as presas debaixo do solo com suas folhas, que têm entre 0,5 mm e 1,5 mm de largura. Quando o verme fica preso na superfície grudenta da folha, glândulas liberam enzimas que derretem e digerem a presa, transferindo seus nutrientes para a planta. As vítimas da Philcoxia minensis são vermes nematóides, bichos microscópicos do solo.

Apenas 0,2% das plantas com flores são carnívoras, como lembram os autores do estudo publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America (PNAS). Trabalhos anteriores sugerem que elas crescem em ambientes iluminados, pelo menos aguados sazonalmente, e com poucos nutrientes.

Para confirmar a hipótese de que os vermes seriam a fonte de nutrientes da planta, a equipe alimentou-os com bactérias marcadas por um isótopo (variante) de nitrogênio e soltou-os nas folhas. Assim, ficou comprovado que a Philcoxia minensis é letal para os vermes.

O artigo completo em inglês pode ser visto na PNAS, e a matéria original pode ser lida na Nature.

Com informações da Folha de S. Paulo e do Boletim do ICB

Mais informações: www.icb.usp.br

.