Simulador de direção desenvolvido na EESC permite avaliação de projeto rodoviário

Publicado em Tecnologia por em

Um simulador de direção de veículos capaz de reproduzir virtualmente diversos projetos de rodovias, e ainda permite a observação e a mensuração do desempenho do condutor, foi desenvolvido por um grupo de pesquisa do Departamento de Engenharia de Transportes da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP.

Coordenado pela professora Ana Paula Larocca, o grupo pretende utilizar o simulador para estudar o comportamento do condutor brasileiro dentro de um ambiente seguro e com controle experimental. O equipamento também poderá contribuir com o processo de elaboração de projetos rodoviários no País.

“Com o simulador, é possível adequar as condições de infraestrutura das rodovias ao comportamento dos condutores. Por exemplo, se em um determinado ponto de uma rodovia há muitos acidentes, podemos simular situações para entender o comportamento dos condutores ligado às causas de acidentes. Caso seja um problema de falta de sinalização, isso pode ser melhorado”, explica Ana Paula.

A pesquisadora informa que esse simulador voltado para a segurança rodoviária é pioneiro no Brasil e na América Latina. “Países da Europa e Estados Unidos já empregam essa tecnologia para buscar o risco zero de acidente em rodovias. Esperamos que essa experiência seja multiplicada em outros centros de pesquisa no País e na região para promover o intercâmbio de experiências no estudo do comportamento do condutor, a elaboração de projetos rodoviários e a segurança viária em geral”.

De acordo com Ana Paula, o simulador é composto por um modelo virtual da rodovia, do tráfego e da dinâmica do veículo principal, um sistema de projeção visual de três telas que envolvem ao condutor dentro do ambiente virtual rodoviário, um sistema de som, um cockpit de carro — equipado com volante, pedais e alavanca de câmbio — através do qual o condutor controla o veículo principal. Além disso, há um sistema de rastreio ocular que compreende três câmeras posicionadas na frente do condutor que detectam a orientação do seu olhar e uma quarta câmera traseira que projeta o olhar no ambiente virtual.

portal20150617_2
Foto: Divulgação

O equipamento está em funcionamento e em breve deverá receber melhorias. “Neste segundo semestre, pretendemos desenvolver uma cabine real de carro e inseri-la numa plataforma para simular os movimentos do veículo na rodovia e aumentar a percepção de imersão do condutor”, avisa a pesquisadora.

Pesquisa

Em menos de seis meses em funcionamento, o simulador já tem sido utilizado em quatro projetos de pesquisa: elaboração e avaliação de alternativas de sinalização no trecho estudado para implantar a mais funcional delas, análise da percepção da sinalização em diversos cenários de direção: à noite, com neblina, com maior densidade de fluxo, com maior carga mental, etc.; avaliação da concordância entre o alinhamento horizontal e vertical de um projeto rodoviário; e elaboração de um programa de avaliação e treinamento para condutores idosos.

O projeto do simulador foi desenvolvido com apoio da Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT) — por intermédio da Concessionaria ARTERIS, via projeto de Recurso de Desenvolvimento Tecnológico (RDT) —, da FAPESP, do CNPq, da VI-GRADE, da PSA Peugeot Citröen e da Multicorpos Engenharia.

Hérika Dias / Agência USP de Notícias

Mais informações: email larocca.ana@usp.br, com Ana Paula Larocca

Simulador de direção desenvolvido na EESC permite avaliação de projeto rodoviário
Editoria: Tecnologia - Autor: - Data: 17 de junho de 2015

Palavras chave: , , , , ,

.