Versão didática do curso PHTLS é lançado no Brasil com revisão de profissionais da USP

Publicado em Saúde por em

Profissionais da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), do Hospital das Clínicas (HC) e da Escola de Enfermagem (EE) da USP participam como supervisores da tradução e como revisores científicos do livro PHTLS: Atendimento Pré-hospitalar ao Traumatizado – Primeira Resposta no Trauma, que acaba de ser lançado no país pela Editora Elsevier.

É possível conferir trechos da obra neste endereço. Trata-se da versão didática do livro original usado para o curso mundial de PHTLS (PreHospital Trauma Life Suport) da NAEMT (National Association of Emergency Medical Technicians)maior organização do mundo no treinamento para emergências, e do Comitê de Trauma do Colégio Americano de Cirurgiões.

Cinco profissionais da USP compõem o corpo de revisores da tradução e de revisores científicos do PHTLS: o professor de Cirurgia do Trauma e diretor do Centro de Treinamento da Divisão de Clínica Cirúrgica III do HC, Renato Sérgio Poggetti; o cirurgião do HC, Fernando da Costa Ferreira; o médico do Departamento de Cirurgia, Diogo de Freitas Valeiro Garcia; a professora do Departamento de Enfermagem Médico-cirúrgica, Lilia de Souza Nogueira; e o chefe de equipe do Serviço de Cirurgia de Emergência do HC e professor de Cirurgia do Trauma, Newton Djin Mori.

No mundo inteiro, o trauma é uma causa importante de morbidade, em decorrência de colisões no trânsito, violência e acidentes de trabalho, entre outras circunstâncias. É a terceira causa de morte no Brasil, com 125 mil óbitos por ano, perdendo apenas para as doenças cardiovasculares e neoplásicas; também é a principal causa de morte entre pessoas de 1 a 44 anos de idade e responde por cerca de 80% das mortes na adolescência, segundo o Comitê de Trauma do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Com esta obra, socorristas, policiais, bombeiros, equipes de resgate e oficiais de segurança têm acesso às mais abrangentes diretrizes baseadas em evidências que comprovadamente reduzem a morbidade e a mortalidade no trauma.

Criado nos Estados Unidos em 1983, o programa PHTLS é o mais completo e bem-sucedido treinamento para profissionais do atendimento pré-hospitalar. O curso que integra o programa já formou 1 milhão de socorristas em 50 países e conta com evidências na literatura médica que comprovam sua eficácia.  No Brasil, a formação em PHTLS começou a ser oferecida em 1997.

O livro PHTLS: Atendimento Pré-hospitalar ao Traumatizado – Primeira Resposta no Trauma pode ser adquirido pelo site da Elsevier.

Com informações da Canto do Trabalho Comunicação

.